Para você saber....

Meu nome é saphira, moro no brasil SC, e sou blogueira a mais de 3 anos, curto sim jrock mais não discrimino nenhum estilo musical.
Aqui eu procuro mostrar um pouquinho de tudo que gosto e respeito.
Espero que gostem.....


terça-feira, 28 de junho de 2011

fotos incríveis


Qualidade vida.jpg





A coisa mais injusta sobre a vida, é a maneira como ela termina. Eu acho que o verdadeiro ciclo da vida, está de trás pra frente.
Nós deveríamos morrer primeiro, nos livrar logo disso. Daí viver num asilo, até ser chutado pra fora de lá por estar muito novo. Ganhar um relógio de ouro, e ir trabalhar. Então você trabalha quarenta anos até ficar novo pra poder aproveitar a aposentadoria.
Aí você curte tudo, bebe bastante álcool, faz festas e se prepara para a faculdade. Você vai pro colégio, tem várias namoradas[os], vira criança, não tem nenhuma responsabilidade, se torna um bebezinho de colo, volta pro útero da mãe, passa seus últimos nove meses de vida flutuando e tudo termina tudo com um ótimo orgasmo! Não seria perfeito.
[A vida segundo Charlie Chaplin]



Às vezes fico com saudade, De momentos que eu ainda não vivi. Às vezes peco na vontade, De sentimentos que eu ainda não senti.

Te vejo nas paredes dos hotéis, Eu vivo interpretando papeis. Às vezes não sei mais quem sou, Me deu vontade de voltar.

Pois eu sei, que você quer viver comigo outra vez. Que você quer viver ao lado meu, até a luz do sol se apagar.

Eu exagero nas palavras, Mas nos meus versos eu só encontro você. (eu sou exito em ti vê )

É só mais um dia de chuva e eu vou pra redenção. Pois amanhã já vou estar em outro lugar, Muito longe daqui, muito longe de ti.

Pois eu sei, que você quer viver comigo outra vez. Que você quer viver ao lado meu, até a luz do sol se apagar.

Eu sei (Eu sei que você) Que você quer viver comigo outra vez (Mais uma vez) Que você quer viver ao lado meu (É só mais um dia de chuva e eu vou pra redenção) Até a luz do sol se apagar, ate a luz do sol se apagar. Enquanto houver ar pra respirar.





fonte:Blog a missão

Nenhum comentário:

Postar um comentário